Sapateado

Já pensou em praticar aulas de sapateado americano? Esta modalidade consiste em um estilo de dança no qual os dançarinos produzem sons ritmados com os pés, utilizando o sapato como instrumentos principal para as suas ações, fazendo dos pés dos dançarinos verdadeiros instrumentos de percussão.
Sua origem vem dos Estados Unidos e o sapateado chegou às ruas de Nova York durante o século XIX. Começou, então, a se popularizar pelo resto do país, atingindo, assim, diversas outras localidades.
Além de ser caracterizada como uma dança muito divertida, o sapateado americano promove diversos benefícios para o corpo, como a coordenação motora, queima de calorias intensa, já que os movimentos são realizados de maneira rápida.
Além disso, o sapateado ainda melhora a postura e desenvolve a flexibilidade. Apesar de parecer difícil, em poucas aulas já é possível realizar passos e ouvir o ritmo com batidas do seu próprio pé.
Historiadores consideram mais provável a hipótese de que o sapateado tenha origem na Irlanda. A influência africana no sapateado ocorreu ainda nas viagens de europeus (sobretudo irlandeses e alemães) e africanos para a América do Norte. A contribuição africana trouxe para o sapateado os movimentos do corpo, pois os irlandeses mantinham o tronco rígido, até então. Foi essa mescla de ritmos e sons que chegou a Nova York ainda no século XIX.
Entre as décadas de 30 e 50, o sapateado ganhou o mundo através das telas de cinema. Diversos filmes produzidos em Hollywood tornaram indissociáveis o sapateado e nomes como Fred Astaire, Ginger Rogers, Gene Kelly, Ann Miller, entre outros.
No Brasil, o sapateado foi muito difundido nas grandes capitais, mais pouco praticado, talvez pela falta de profissionais qualificados, que ainda hoje, se concentram nos Estados Unidos e na Europa. Além disso, o sapateado praticado no Brasil sofreu influência de diversos ritmos da rica cultura musical brasileira, ou seja, já não se trata do sapateado tradicional.
Mas mesmo assim, continua sendo uma modalidade de dança contagiante, divertida e deliciosa de praticar.
Benefícios da Prática do Sapateado:

– Desenvolve o ritmo e musicalidade.
-Melhora da coordenação motora.
-Trabalha a auto-estima.
-Desenvolve o tônus muscular.

Nossos professores

Bianca Moura